Porto.Pet Logo

Voltar ao Blog

Comportamento
Curiosidades
Nossos Clientes
Raças
Saúde

Por que o macho faz mais xixi que a fêmea?

Para aqueles que são tutores de pet, os cuidados com a saúde do seu animalzinho são fatores fundamentais de preocupação, tendo em vista que muitas vezes problemas de saúde podem ser identificados facilmente, caso através da urina do cachorro macho e fêmea e gato macho e fêmea. Saiba, a seguir, porque o macho faz mais xixi que a fêmea, como tirar cheiro de xixi de cachorro do sofá e outras dicas pet sobre xixi cachorro

 

xixi

Gato ou cachorro fazendo xixi em excesso? Saiba como tratar | Foto: Unsplash

 

 

Entenda os motivos do macho fazer mais xixi que a fêmea

 

Você está pensando em adotar um cãozinho, mas está em dúvida entre um macho e uma fêmea? Independente do sexo que você escolha, é necessário ter em mente que existem características diferentes entre eles. 

Sendo assim, confira as questões que você deve levar em conta antes de adotar um novo membro para a família, entendendo e se adaptando para as adversidades encontradas na criação de cada sexo específico.  

 

 

Fêmeas

 

Um diferencial importante que leva tutores a optarem por pets fêmeas, é a questão relacionada ao xixi, já que elas não compartilham da necessidade de marcar território como os machos. Sendo assim, sua urina tende a ser em menor quantidade e com um odor mais ameno. 

Dessa forma, as fêmeas também costumam se mostrar mais independentes que os machos, levando em consideração seus períodos de mudanças hormonais. No caso de pets não castradas, sendo a época do cio um período que pode deixá-las mais agressivas, irritadas ou até mesmo deprimidas.

Em questão de comportamento, as fêmeas podem ser mais controladoras e ciumentas, e gostam de se sentir “as donas da casa”. Levando em consideração que amadurecem mais rapidamente que os machos, adestra-las se torna uma tarefa mais fácil, porém, costumam latir mais devido ao seu instinto materno. 

 

 

Machos

 

Os filhotes machos possuem uma característica importante para se levar em consideração antes de se comprometer com a responsabilidade em se ter um novo amiguinho, que é a necessidade de marcar território. Isso pode acabar se tornando um problema para alguns tutores, principalmente em situações em que não se tem muito espaço para seu bichinho. No entanto, esse problema pode ser reduzido caso seu pet seja castrado quando ainda filhote. 

Sendo assim, é necessário manter em mente que os machos geralmente são mais destrutivos, brincalhões e energéticos que as fêmeas. Ou seja, é comum que filhotes venham a roer móveis e outros objetos, como chinelos e até mesmo paredes, e devido a sua grande quantidade de energia, acabam sendo ótimas companhias para crianças.

Dessa forma, os cãezinhos tendem a ser mais carentes, e por sua vez acabam demandando mais atenção e cuidados especiais do tutor. Considerando seu instinto territorialista, os machos precisam de um lugar para marcar como seu. 

Em suma, é importante lembrar que existem fatores que influenciam no temperamento do cachorro, como raça, genética e o ambiente em que ele vive. Por isso, antes de levar um novo amigo para casa, pesquise bem e procure saber as características do pet.

 

 

Educando seu pet: melhor prevenir do que remediar

 

A urina do cachorro, além do cheiro desagradável, pode ser prejudicial para você e o ambiente. Isso porque, além de conter bactérias, o xixi possui alta concentração de ureia, que pode liberar amônia, um gás tóxico e corrosivo. Por isso, limpar os vestígios do xixi de cachorro também é uma questão de saúde e bem-estar.

 

 

4 passos para tirar cheiro de xixi de cachorro

 

Ensinar o seu pet a fazer xixi no lugar certo pode ser uma tarefa árdua, caso você não esteja familiarizado com as maneiras de ensiná-lo efetivamente o lugar certo onde urinar. Sendo assim, entender essas maneiras e aplicá-las se torna um diferencial na hora de se criar um cãozinho da maneira correta. 

Os cachorros costumam procurar o local de fazer xixi pelo olfato, de forma que tendem a escolher um local com o cheiro de sua urina. Por isso, sempre que notar que seu amiguinho de quatro patas fez xixi no lugar indesejado, se torna essencial a limpeza do ambiente o mais rápido possível, buscando evitar que aquilo se repita no mesmo lugar. 

Assim, eliminar a urina do seu pet da forma correta faz toda a diferença na educação. Siga essas dicas para melhorar sua relação com seu pet:

 

 

1 – Retire bem toda a urina

 

Antes de utilizar produtos em cima da urina, tente retirá-la por completo do local, tendo em vista que o produto pode acabar se misturando com a urina, o que pode resultar em um odor ainda mais forte do que antes. 

Assim, quando a urina estiver em um piso frio, utilize panos ou papéis com o intuito de absorver o líquido, usando luvas para manusear tudo de forma higiênica. Caso seu amigo tenha escolhido como banheiro um piso de madeira, tapetes ou carpetes, você deve pressionar o local levemente com um pano ou um papel absorvente.

 

 

2- Hora de desinfetar

 

Quando se trata da higiene, somente retirar a urina não é o suficiente para manter o local limpo. Por isso, é essencial desinfetar o local, que além de ser essencial para retirar o odor, garante que o ambiente fique livre de bactérias ou outros agentes que podem prejudicar a saúde do seu pet.

Dessa forma, é recomendado a utilização de desinfetantes com amônia quaternária. Esses produtos podem ser facilmente encontrados em lojas especializadas para pets e possuem um forte poder de combate aos odores da urina, bastando que se utilize uma pequena quantidade na área desejada e deixando agir por alguns minutos, antes de terminar sua limpeza.

 

 

3 – Evite receitas milagrosas

 

É preciso evitar receitas caseiras que prometem resolver tudo magicamente, tomando cuidado com produtos que podem fazer mal para o seu amiguinho. Isso porque, com frequência, o cachorro pode apresentar alergia ou outras reações ao entrar em contato com produtos desconhecidos. Assim, antes de utilizar vinagre, bicarbonato ou itens do gênero, consulte um veterinário de sua confiança.

 

 

4 – Previna acidentes

 

Manter o ambiente do seu amiguinho higienizado é essencial, no entanto, pode ser um serviço trabalhoso. Sendo assim, a melhor maneira de se manter a organização é a prevenção de acidentes. 

Uma das técnicas de maior sucesso na hora de ensinar o seu animalzinho a fazer xixi no lugar correto é o reforço positivo, que funciona da seguinte forma: em vez de punir o pet quando ele se aliviar em um lugar errado, coloque um tapete higiênico em algum canto da casa e fique atento aos momentos em que o pet sentir vontade de fazer xixi.

Logo, caso perceba que seu peludinho esteja apertado, leve-o imediatamente para o tapete higiênico, e quando ele fizer xixi, recompense-o com um petisco. Dessa forma, ele entende que sempre deve ir naquele local quando quiser fazer suas necessidades.

 

 

Porto.Pet

 

Agora que você sabe como tirar cheiro de xixi de cachorro e gato, entende que cuidar da saúde do seu animalzinho, macho e fêmea, é o mínimo que você pode fazer por quem faz tudo por você. Assim, a Porto.Pet oferece cuidados veterinários para cães e gatos com ampla rede credenciada e com um custo-benefício pensado para o tutor e seu pet. 

Estão disponíveis três planos de saúde para o seu pet ter o melhor cuidado, encaixando no seu orçamento e mantendo seu pet seguro e protegido. Entre no site e conheça nossos planos! 

 

 

Os melhores brinquedos para o seu pet

Conheça: brinquedos pet Nesse período de pandemia que estamos vivendo, é comum que os nossos bichinhos fiquem mais estressados, hiperativos e descontam em nossos móveis, sapatos ou qualquer coisa "mordivel" que encontrem pela casa. Pode ser uma dor de cabeça, mas, também, cômico.  No entanto, isso pode ser um perigo para os peludos pois ficam […]

Leia mais

Conheça os benefícios de ter um plano de saúde pet

Sabe aquela vez em que seu animalzinho ficou doente e precisou de uma consulta veterinária? Bem, conseguir dar ao seu pet o melhor tratamento, sem precisar pagar uma fortuna, é um dos grandes problemas dos tutores, uma vez que os tratamentos, exames e consultas pets costumam ser expressivamente caros. Por causa disso, empresas como a […]

Leia mais

Por que o macho faz mais xixi que a fêmea?

Para aqueles que são tutores de pet, os cuidados com a saúde do seu animalzinho são fatores fundamentais de preocupação, tendo em vista que muitas vezes problemas de saúde podem ser identificados facilmente, caso através da urina do cachorro macho e fêmea e gato macho e fêmea. Saiba, a seguir, porque o macho faz mais […]

Leia mais